sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo!!!


Último post do ano!!!
Hoje é o dia do Reveillon, dia de beber champagne e espumantes e uma ótima noticia para fechar o ano: O Brasil vendeu 20% a mais de espumantes esse ano em relação ao ano passado. Foram 13 milhões de litros vendidos!!!
Para hoje temos inúmeras opções de espumantes, são eles:
  • Champanhe - É somente a bebida feita na França, na região de Champanhe (já falei aqui várias vezes, hahaha)
  • Espumante - É o nome que se dá a bebida feita igualzinha à champanhe no Novo Mundo: Brasil, EUA, Argentina, África do Sul, Austrália e Nova Zelândia, etc
  • Cava - É a champanhe espanhola, feita na região de Penedés, perto de Barcelona, utilizando principalmente a uva macabeo
  • Prosseco - É o nome de um espumante feito na Itália, principalmente na região do Veneto, onde ficam as cidades de Verona e Veneza feito com a uva prosecco.
  • Brut - É o champanhe ou espumante que tem uma pequena quantidade de açúcar natural, geralmente é mais seco
  • Démi sec - É mais doce, tem um maior percentual de açúcar e muitas vezes tem açúcar adicionado à bebida.
  • Nature ou extra-brut - Esses são praticamente sem açúcar e muito secos.
  • Rosés - São feitos com parte de uvas tintas com a casca ficando um breve tempo em contato com o suco da uva, o suficiente para colorir a bebida. Alguns usam merlot também para fazer os espumantes rosés, mas geralmente a predominância é da uva pinot Noir
  • Perlage - São as bolinhas, o gás carbônico da segunda fermentação do vinho, que é feita na garrafa. Pelo perlage, é possível identifica a qualidade de um espumante. Quanto mais bolinhas tiver, mais finas elas forem e mais tempo elas persistirem subindo dentro da taça, melhor é o espumante.



Que todos tenham uma ótima virada de ano!!!
Feliz Ano Novo a todos!!
Bjs

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Tributo a Jimi Hendrix


James Marshal "Jimi" Hendrix, foi um famoso guitarrista, cantor e compositor norte-americano. Participou de inúmeros festivais inclusive o de Woodstock, em 1970. Hendrix é considerado por muitas pessoas como o maior guitarrista da história do rock e um dos mais importantes e influentes músicos de sua era.
O guitarrista que fez história no mundo da música faleceu em 1970, segundo o médico que o atendeu, disse que a causa de sua morte foi asfixia pelo seu próprio vômito, composto principalmente por vinho tinto, mas falam também que ele tomou vários remédios na noite anterior.
Para homenagear o guitarrista, Jean-Pierre Mau, da vinícola Chateau Ducla, da região de Bourdeaux, criou um rótulo com a imagem de Jimi Hendrix no aniversário de 40 anos de sua morte! O vinho é elaborado com as uvas sauvignon blanc, sauvignon gris, muscadelle e sémillon.
Confiram o rótulo:

sábado, 25 de dezembro de 2010

Feliz Natal!!

Pessoal,
Recebi esse email do enófilo Alvaro Cezar Galvão há umas semanas atrás, achei a coisa mais fofa e resolvi colocar aqui no blog para desejar a todos um ótimo Natal!
Beijos e tin-tin

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

É Véspera de Natal!!!

Para desejar uma ótima noite de natal escolhi um video que acho maravilhoso!!! Não tem nada a ver com vinhos, mas a menssagem que passa é linda!!! É um comercial antigo da Sadia, que passava quando eu era pequena! Algo especial que escolhi para vocês para a véspera do natal com todo o carinho.
Um beijo e um ótimo Natal a todos!

Vinhos na posse de Dilma Roussef



Dia 1° de janeiro sai Lula e entra Dilma como Presidente da República. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva instituiu que nos eventos oficiais do governo federal deve-se servir vinhos brasileiros.
Há várias exigências para o vinho estar nesses eventos como, por exemplo, os tintos tem que ficar um tempo em barricas de carvalho, exclusvidade do método champenoise para os espumantes, número de premiações internacionais, etc.




A festa de posse de Dilma Roussef, no primeiro dia do ano, que ocorrerá no terceiro andar do Palácio do Itamaraty, com a presença de 2 mil convidados, entre eles Hillary Clinton, será regada por vinhos da Casa Valduga!!! São eles:

  • Casa Valduga Gran Reserva Chardonnay
  •  Espumante Casa Valduga Brut Premium 
  •  Casa Valduga Cabernet Sauvignon Gran Reserva
  •  Storia Merlot (ícone da vínicola gaúcha)  





quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Vinhos no Verão



O verão chegou! Muitas pessoas acham que o vinho não combina com essa época do ano e em parte estão certas. Imagina você numa praia, aquele sol, calor e abrir um vinho tinto, nada a ver, né! Imagine então você com uma taça de vinhos na areia?? hahaha....Praia, mar, areia combina com água de coco, isso sim! Tem gente que prefere a famosa cervejinha ou uma caipirinha...para mim, água de coco!! Rs!
O álcool presente no vinho é vaso dilatador e com isso o corpo se aquece mais rapidamente. Assim, os vinhos tintos com maior concentração de álcool não é tão favorável em dias de calor. Após você tomar um vinho desses em pleno calor será como estar vestindo um casaco de inverno, fora que se beber durante o dia, no almoço, adeus programas da tarde!
Mas....é a melhor época para curtirmos os vinhos brancos, espumantes e Rosés...esses sim são perfeitos para os dias de calor! A temperatura desses vinhos devem estar em torno de 7°C a 8°C, mas se tiver com vontade de um tinto, a melhor opção são os levinhos, sem muito álcool (vejam no rótulo o teor alcoólico entre 7% a 8,5%) e servir na temperatura até os 14°C.  Deve-se colocar o vinho na geladeira no mínimo 12 horas antes de ser servido, não é que nem cerveja..rs que você coloca num "cooler"..hahaha. Após retirar da geladeira é sempre bom colocar em um balde com gelo e água. Para transportar no carro, uma caixa que ajuda a não bater muito sol, se der para ficar no ar-condicionado, melhor ainda!
Nada mal tomar um espumante na piscina ou numa jacuzzi (chique, hein), hahaha!!!



Bjs

Dica de Livro


1001 Vinhos para Beber Antes de Morrer, de Neil Beckett e o conhecido Hugh Jonhson. O livro reúne 1001 resenhas sobra os mais notáveis vinhos produzidos em todas as regiões do mundo com a descrição das sensações da degustação, além disso o mais legal é que o vinho apresenta a história e curiosidades escondidas por trás dos rótulos.
Um livro para ter como um guia, vamos assim dizer, com tantos vinhos no mercado, o livro pode dar uma ajudinha, principalmente nas ocasiões especiais, comemorações, quando não queremos errar e sim beber algo memorável!
Fica a dica
Bjs

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Vinhos e vôos



Estamos na época em que várias pessoas viajam, tiram férias, vão visitar seus parentes em outra cidade ou país ou simplesmente passar o Ano Novo em algum lugar especial!!!
No serviço de bordo das companhias aéreas não podia faltar o vinho, clarooo! Hoje em dia as empresas aéreas contratam chefs para elaborar o menu e enófilos para a carta de vinhos. Obviamente que os mais privilegiados são os que estão na primeira classe e classe executiva...a econômica (povão, rs!) também conta com esses serviços, mas nada muito refinado!
Todo ano, as melhores cartas de vinhos são escolhidas no International Business-Class Airline Wine Competition, esse ano 30 juízes degustaram e pontuaram 118 vinhos apresentados por 26 companhias aéreas, vinhos esses servidos na classe executiva. Em primeiro lugar ficaram os vinhos da Austrian Airlines, em segundo Qatar airways e em terceiro uma empresa brasileira: TAM!!
A carta de vinhos da campeã austríaca oferece grandes rótulos de champagnes, vinhos brancos e tintos. Uma equipe de 55 sommeliers seleciona alguns rótulos e a companhia escolhe 4 tintos e 4 brancos para oferecer aos passageiros (sempre há um vinho austríaco)




A terceira colocada TAM, traz novidades para 2011, como a consultoria dos gêmeos Sergio e Javier Torres  para o menu dos voôs internacionais, denominado pela empresa de "Sabores do Mediterrâneo". Na primeira classe, os passageiros terão direito a camarões ao molho pesto, costeleta de cordeiro com azeite alecrim..hummm.
A classe executiva terá algumas opções de filé de badejo servido com risoto de cogumelos, bolo de iogurte na sobremesa. Já o povão.... salada de alface, abóbora, carne com cenouras e purê, ou filé de frango com arroz e vegetais! Nada de molhinos, ristos de cogumelos..que pena, rs!
Além disso, contrataram uma especialista em chás, teablender, Carla Saueressig, para desenvolver um serviço especial de chás..chique, né, rs!



Com cardápio atualizado, a TAM também renovou sua carta de vinhos, o consultor da companhia, Arthur de Azevedo (meu prefessor da ABS), buscou vinhos em diferentes países e continentes. Na primeira classe, Champagne Drappier, brancos da Alemanha e Bourdeaux e tintos também de Boudeaux, Espanha e Portugal. Na executiva, Champagne Drappier Carte D´Or, vinhos brancos alemães e franceses e tintos de Boudeaux. A Econômica..hahahaha...nada de champagne: vinho branco português e tinto argentino. Por ser uma companhia brasileira por que não um vinho brasileiro na carta???
Mas tem muita gente que não gosta de comida de avião e a acha sem gosto. Cientistas ingleses e holandeses afirmaram que o barulho do avião pode afetar o sabor da comida. Eles fizeram um estudo com pessoas vendadas que avaliaram os sabores doces e salgados com e sem barulho ao fundo e na ausência do barulho a intensidade do sabor das comidas era menor do que com barulho.
Outro fator a ser considerado é que o efeito do álcool em grande altitude triplica o efeito do mesmo, por isso, devemos ter cuidado redobrado ao ingerir bebidas alcoólicas durante o vôo.
Bom, espero que todos possam viajar em paz sem esse caos aéreo que estamos ouvindo falar para curtir as férias que todos merecem!!

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Chateau Latour



Foi no século XVII que o Chateau Latour começou a fazer história no mundo do vinho, com o Marquês de Segur, Nicolas Alexandre, conhecido como o príncipe do vinho, nome esse pois possuía além do Chateau de Latour, Chateau Latife e Mouton (os maiores vinhos da região de Boudeaux, França).
Em 1955, Napoleão III classificou os domínios da região (classificou os vinhos, vamos assim dizer) e concedeu a Latour como sendo um Premier Grand Cru Classé, é  máxima classificação dos vinhos de Bourdeaux, são apenas 5 vinhos!



                  Vinícola com a torre que deu o nome ao Chateau, não é a original que foi destruída pela guerra

Em 1963, os herdeiros do Marquês de Segur, venderam 75% das ações para os ingleses, que modernizaram a vinícola. Hoje ela está nas mãos do todo poderoso François-Henry Pinault, o chairmain e CEO do grupo PPR (Pinault- Printemps -Redoute), grupo de negócios que inclui nada menos que as marcas Gucci, Yvés Saint Laurent, Bottega Veneta, Puma e a casa de leilões Christie´s.
Em 2003, o pai de Pinault o levou para jantar em um bistrô em Paris, o preferido de FHC, o Ami Louis. Assim que sentaram colocou em cima da mesa três anéis de ouro interligados. No primeiro estava cravado o ano de 1963, data da fundação do grupo, no segundo 2003, ano em que o filho deveria assumir a empresa que reúne a casa de leilões Christie´s e a vínicola Chateau Latour e no terceiro um ponto de interrogação, para quando o filho decidisse controlar toda a holding, o que aconteceu dois anos mais tarde.
PPR e LVMH (grupo da Louis Vuitton, Moet Chandon, etc) são arqui-inimigos, já disputaram a o controle da Gucci Group, mas o PPR levou a melhor no que a imprensa francesa chamou de "duelo de tubarões".
O francês todo poderoso, dono do Chateau Latour, é casado com a atriz Salma Hayek.


Françoise e Salma Hayeke (nessa foto até parece feia, rs!)

Voltando ao vinho....suas uvas são: Cabernet Sauvignon, Merlot e um pouco de Cabernet Franc e sua produção anual é de 200.000 garrafas por ano!
Um dos melhores e mais famosos vinhos de Boudeaux: Chateau Latour!!!



domingo, 19 de dezembro de 2010

Galochas Veuve Clicquot

A DKNY criou uma galocha especialmente para a Veuve Clicquot, na cor amarela que é a marca das garrafas de champagne, chama- se Clicquot in the Snow e custa U$99,00. Foi criada para o inverno da Europa e EUA. Como em São Paulo  não para de chover, pode ser uma boa opção para quem gosta de ousar, rs! Estão a venda nas lojas DKNY e na http://www.dkny.com/
Confiram:

sábado, 18 de dezembro de 2010

Dica De Restaurante: Vinheria Percussi



Óbviooo que para o final do ano não poderia deixar de dar a dica de um restaurante que eu amo: Vinheria Percussi!
Fundada em 1985, o lugar não chegava a ser um restaurante, era uma vinheria mesmo, onde se vendiam bons vinhos e algumas comidinhas, como saladas, sanduíches. Tinha apenas 20 lugares e um balcão que também podia ser utilizado. Refrigerantes ou cervejas eram proibidos, no máximo um suco ou água.
Em 1987, entrou em cena Lamberto Percussi, filho do casal fundador, que assumiu o comando da Vinheria e junto com sua sócia e irmã Silvia (que é a chef do restaurante) fizeram o restaurante crescer e se tornar o sucesso que é hoje.

Silvia e Lamberto

No almoço, o restaurante oferece o "Menu del Giorno", o menu executivo, com entrada, prato principal e sobremesa (com 2 opções) por R$42,00. E nessa época do ano, o almoço executivo conta com pratos natalinos, como pernil, tender e bacalhau.
O cardápio é bastante variado, com pratos típicos italianos: carnes, aves, massas, risotos e  peixes, tudo feito com muito capricho, para mim as massas são imbatíveis!!! E os doces?? Afee..tem um petit gateau de doce de leite de matar, rs!


Fettuccine ao tartufo

O Restaurante ganhou o certificado de "Award of Excelence" da revista Wine Spectator por sua carta de vinhos, que é bastante diversificada, contendo vinhos do mundo inteiro (até de Israel tem)! Você pode escolher pedir a taça ou a garrafa. Os Argentinos estão com um preço bem em conta!
Duas grandes novidades da Vinheria: a primeira é que você pode fazer encomendas para a ceia de Natal/ Ano Novo com pratos assinados pela Silvia Percussi. A outra novidade é que a partir desse mês, entre as mesas, circulam cardápios no Ipad, você clica em um prato e dá para ver como ele foi feito.



Um dos pratos para encomenda: massa fresca com molho de nozes

Fora isso, Lamberto, o Pippo, está disposto a atrair os jovens para a Vinheria, que já tem mais de mil fãs no Facebook (fez até sorteio de cesta com produtos para comemorar) e tem página no Twitter também.
Quando forem lá, procurem o queridíssimo Jonas, o maitre que trabalha lá desde a fundação do restaurante e trata seus clientes como se fossem filhos, rs!


Jonas


Um lugar familiar, descontraído com deliciosas comidas e bebidas onde todos trabalham com muito carinho!

Rua Cônego Eugênio Leite, 523 - Jardim América
Telefones:(11) 3088.4920 / 3064 4094
http://www.percussi.com.br/
http://www.facebook.com/vinheriapercussi

Fica a dica!
Bjs


sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Vinho e Saúde: Hoje no Globo Repórter


Hoje a noite a globo passará no Globo Repórter uma série de reportagens sobre os benefícios do vinho para a saúde.
A repórter foi até a Borgonha e visitou uma vinícola lá e descobriu que uma das substâncias da uva, o resveratrol, é capaz de matar células cancerígenas.
Mostrará Bento Gonçalves, que produz 90% dos vinhos gaúchos e também os vinhos do Vale do Rio São Francisco, que o blog já tem um post sobre isso! Atrasada essa globo, não? Rsrs....
Para vocês em primeira mão um pedacinho da reportagem na Borgonha.

Vinhos para a Ceia de Natal


Está chegando...uma semana para o Natal, para a grande ceia! A ceia de natal envolve muitas tradições familiares. Algumas famílias têm suas receitas "secretas", outras comem os tradicionais pratos natalícios e outros encomendam, pedem pizza, tudo vale nesse dia!
As tradições dos pratos variam em cada país, por exemplo, na Russia evita-se carne, na Jamaica usa-se bastante ervilha, Alemanha come-se carne de porco. No Brasil, como todos sabem, os pratos tradicionais da ceia natalina são peru, chester, pernil e como fomos colonizados pelos portugueses bacalhau também entra como prato natalino..de sobremesa panetones, nozes, frutas secas, mas sempre tem aquela mousse ou torta de chocolate bem engordativo, rs! E os vinhos?? Onde entram nessa comilança toda???
Bom...o espumante (branco ou rosé) é sempre uma ótima escolha para começar uma comemoração e dar boas vindas aos familiares, amigos, etc que estão chegando, junto com aperitivos.
Para as entradas, que geralmente são leves, pode continuar com o espumante ou vinho brancos das variedades Chardonnay ou Sauvignon Blanc.


Rutini Chardonnay

No prato principal, como herdamos os pratos dos europeus que foram feitos para se comer no inverno, o ideal é combinar esses pratos com vinhos leves, já que estamos em pleno verão! Como o Peru é uma carne branca um Chardonnay é uma ótima opção, já o tender, chester vão bem com as uvas Pinot Noir e Tempranillo (da região da Rioja, Espanha).


Viña Alberdi - Rioja

Para quem quer algo mais sofiticado:: Beajoulais, vinhos do Rhone, Dolcetto e Barbera.


No final de tudo: a sobremesa, vou falar sobre a mais popular das sobremesas natalinas: o panetone, aliás porque não vende panetone o ano inteiro?? A origem italiana do panetone remete de imediato, para acompanhá-lo um vinho da mesma procedência, nesse caso, a melhor indicação são os vinhos elaborados com a uva Moscatel da região do Piemonte.
Assim, temos uma ceia completa harmonizada com vinhos que irão deixar a ceia ainda mais gostosa e apetitosa!!!!


quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Alcoolismo

Sei que esse tema não é nada agradável, mas como sou psicóloga, já trabalhei em uma clínica psiquiátrica e vi esse problema de perto, resolvi fazer esse post sobre um problema sério que atinge milhare de pessoas.
O alcoolismo é o consumo consistente e excessivo de bebidas alcoólicas, ao ponto que este comportamento interfira na vida pessoal, familiar, social ou profissional da pessoa. Geralmente a pessoa busca na bebida o prazer ou a fuga de algo desagradável e com isso a pessoa necessita cada vez mais da bebida, não importa a hora.
Ao contrário das drogas, o álcool é algo sociável e lícito, cansamos de ver propagandas de cerveja e é dificíl encontar algum restaurante que não comercialize produtos alcoólicos, além disso o vinho está nas religiões, todos esses fatores dificultam a pessoa largar o vício do álcool. É uma briga enorme...
Mas existem inúmeros tratamentos para essa doença, remédios, terapias, grupos de apoio, mas o principal é a pessoa aceitar a doença e dar o primeiro passo para começar a se tratar.
Por isso, bebam com moderação!

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

A Feminilidade do Vinho!





Antigamente, as mulheres não podiam beber nenhuma bebida alcoólica, se fizesses isso podiam ir para a forca! Seus maridos quando chegavam em casa as beijavam para se certificarem de que suas esposas não haviam cometido o crime de beber.
Ainda que discriminada, a classe feminina teve grande importância na história do vinho, como em 1805, quando Nicole-Barbe Clicquot-Ponsardin, a viúva clicquot, herdou a empresa do marido com 27 anos e uma filha para criar. Essa mulher revolucionou a indústria e comércio do vinho e desenvolveu o método "remuage", em que a garrafa é enfiada pelo gargalo num orifício feito de um tampo de madeira, permitindo girá-la e e incliná-la ao longo do processo, para que os sedimentos sejam conduzidos em direção ao gargalo, e assim a bebida fica sem os sedimetos. Esse método é utilizado até hoje.


A Viúva Cliqucot

Outra mulher que fez história foi dona Antonieta Adelaide Ferreira, que após ficar viúva, aos 33 anos, impulsionou a cultura do vinho em Portugal, arregaçou as mangas e foi comercializar seus vinhos. Em 1844 assumiu a A.A Ferreira que tornou-se uma das principais casas de vinho do Porto, mas parece que ela não estava satifeita e começou a produzir vinhos de mesa, comprando em 1877 a propriedade Quinta do Vale Meão, onde surgiu um dos mais famosos vinhos portugueses da região do Douro: o Barca Velha.
Essas e muitas outras mulheres fizeram e fazem história no mundo do vinho até os dias de hoje!


Dona Ferreirinha

No mundo do vinho existe o termo "vinho feminino", mas isso não significa que são vinhos para mulheres, mas sim que são elegantes, os masculinos são mais austeros, robustos e fortes. Dizem que os vinhos da Borgonha são femininos, pois nessa região seus vinhos são produzidos com a uva Pinot Noir, a mais elegante das uvas! Alguns exemplos de vinhos considerados femininos são: Chateau Margeaux (Bordeaux), Musigny (Borgonha) e Barbaresco (Piemonte).
Hoje em dia, as mulheres são mais entendidas de vinho, sabem apreciar, comprar, dizem até que elas tem o olfato e o paladar mais desenvolvidos que os homens, além de serem mais rigorosas e detalhistas nas degustações. Um estudo mostrou que a preferência entre as mulheres são os espumantes, rosés, brancos e tintos com a uva Pinot Noir!
Mulheres que antes não podiam beber um golinho da bebida hoje são produtoras, sommeliers, jornalistas, críticas especializadas e consumidoras..que belo avanço!!!


Brindes Wine School!

Mais uma dica para o final do ano, dessa vez da Wine School, que está com embalagens especiais para presente, confiram:


Embalagem para 1 garrafa

Embalagem para 2 garrafas




Embalagem para 3 ou 6 garrafas


A promoção de natal da WS é o vinho chileno Domaine Conté Selección de Barricas Carmenére, um vinho para o dia a dia, com uma das uvas mais importantes do Chile (carménere) que possui um ótimo custo benefício! O preço? 6 garrafas por R$175,00.


Quem tiver interesse é só enviar um email: wineschool@wineschool.com.br

Gostaram???
Bjs


segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Novidade no La Casserole!

Genteee,
Acabei de receber essa novidade, parei tudo para postar no blog! Rs...! Lembram daquela salinha no restaurante La Casserole, toda rústica que sempre estava fechada???? Pois bem...aquela sala antiga foi totalmente reformada e agora está muito mais aconchegante, com iluminação indireta, adega de vinhos, está maravilhosaaa....uma super mudança que até ganhou nome: Sala Reservada do La Casserole.
Confiram:


Linda, né??? Nem parece o mesmo espaço! Já era bom ir almoçar/jantar lá..agora ficou ainda melhor!
Bjs

Puro Luxo


Para o Natal 2010 foi lançada a Moet & Chandon Golden Jeroboam (garrafa de 3 litros) com edição limitadíssima: foram produzidas apenas 1.743 rótulos (número esse que é o ano da maison). Custando U$1.500,00. Para o Brasil vieram apenas 15 garrafas, 8 já foram vendidas!!!



Outra novidade limitada é o kit Moet & Chandon Duo, uma luxuosa caixa dourada que inclui dentro dela duas taças de cristais e uma Moet Imperial de 750 ml! Apenas 10 unidades vieram para o Brasil....


Podemos até ficar de fora com essa edições limitadas, mas para quem quer algo criativo, a maison criou um atelier virtual, onde as pessoas podem personalizar suas garrafas com cristais dourados Swarovski. Pelo site é possível simular como ficará a garrafa antes de fechar a compra e tem algumas opções da champagne que você pode escolher: como a Imperial, Rosé, Magnum etc. O site é www.ateliermoet.com.br.
Tudo isso para entrar no clima das Golden Clebrations, as famosas festas douradas promovidas pela marca!
E sabe quem "ajudou" na colheita das uvas? Scarlett Johansson.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Dica de loja

Época do natal e todos correndo atrás de presentes! Shoppings lotados, tudo muito caro...um stress, rs! Mas eu tenho uma dica ótima para você comprar seus presentes de natal sem stress de estacionamento, filas e mais... com preços baratérrimos, pois infelizmente a loja fechará dia 30/12 então estão fazendo queima de estoque! A Home Way tem de tudo, principalmente coisinhas para a casa, além disso tem um bistrô onde você pode fazer um lanchinho enquanto escolhe o que vai levar. Quando estava lá tinha um pessoal fazendo degustação de patês...hummm!!!!
Como o blog é de vinho, tirei fotos de coisinhas de vinho com temas natalinos, mas entrem no site: http://www.homewaypresentes.com.br/. A loja fica no Real Parque e vale a pena vir até o Morumi para aproveitar essa oportunidade, ou vocês preferem ficar fazendo tour em estacionamento de shopping, rs!
Algumas fotinhos:


Porta- vinhos: R$45,00

Decanters: maior R$99,00/ menor: R$38,00
 
 
Cesta para  colocar a garrafa na hoa de servir: R$167,00


O meu preferido


Papai Noel que vem com 2 tacinhas, saca rolhas e um lugar colocara a garrafa, lindooo!


Fica a dica
Bjs e bom final de semana

PS: Tia Kika..quero Art Feita no Blog!

Shakira & Freixenet

Como prometido aqui está o comercial de natal da Freixenet com Shakira!

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Vinhos Australianos


A Austrália vem ganhando destaque no mundo dos vinhos. A exportação de seus vinhos tem batido recordes e hoje é a maior exportadora de vinhos para a Inglaterra desbancando a poderosa França.
As primeiras tentativas de plantar videiras datam de 1788, mas não teve muito sucesso, pois produziam vinhos fortes e muito doces. Só em 1820 começa a produção de vinhos para consumo doméstico. A entrada da Australia para o primeiro time de produtores foi tardia, em 1870, quando a indústria vinícola começou a se estabelecer no sul do país.
Os pioneiros na produção de vinho, levaram para a Austrália vinhas européias (da França) de qualidade,  que só produzem uva vitis-viníferas (para a produção de vinhos). Essa vinhas vieram antes do ataque de uma super praga, a filoxera, que atingiu a Europa inteira e foi um desastre no mundo do vinho.
A principal uva do país é a Shiraz, mas a Cabernet Sauvignon, Sauvignon Blanc e Chardonnay também podem ser destacadas. Dica de Jorge Lucki: Riesling da região de Clare Valley!
O mercado de vinhos da Australia está na mão de poucos produtores, são apenas quatro grandes grupos que produzem vinhos no país.
O solo e o clima australiano são excelentes para o cultivo de videiras. South Australia é o estado responsável por 50% da produção nacional e 70% das exportações. Foi construído o Wine Center of Australia, um spa dos vinhos, rs! Com restaurantes, cursos sobre vinhos, biblioteca, wine bar, além de mostrar todo o processo de vinificação para em seguida as pessoas degustarem os vinhos.


Foto ruim...Wine Center of Australia

Mas não é só o sul do país que produz vinhos, A Western Australia é responsável pelos melhores vinhos do país, apesar de ter menos que 3% da produção nacional.
Um país do Novo Mundo, onde se concentra a maior quantidade de parreiras centenárias do mundo além de ser o país de língua inglesa com maior consumo de vinho per capita. Para quem não conhece, vale a pena!


The Stump Jump


The Footbolt Shiraz


Quando tomarem um vinho australiano, me diga o que acharam, please!! Adoro  feedbacks
Bjs