quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

O Julgamento de Paris




No dia 24 de maio de 1976, o comerciante de vinhos, Steven Spurrier organizou uma degustação às cegas em Paris, onde nove juízes, todos franceses, provaram vinhos americanos da California e grandes vinhos franceses das regiões de Bourdeaux e Borgonha. Para o espanto de todos dois vinhos americanos venceram a diputa: um Cabernet Sauvignon da Stag’s Leap Wine Cellars e um Chardonnay do Chateau Montelena.
O Julgamento de Paris, revolucionou o mundo do vinho, deixando de ser uma mera bebida alcoólica. Foi o momento em que o vinho deixou de ser eterno, religioso e virou moderno. O evento entrou para a história do vinho como a primeira evidência de que países do Novo Mundo podiam fazer vinhos tão bons e até melhores que os famosos e coroados do Velho Mundo, como os franceses.


Um dos vencedores: o Chardonnay Chateau Montelena

Claro que há controvérsias nessa história, como por exemplo que a safra dos franceses degustados tinha sido ruim e que dos 10 vinhos degustados, tanto tintos como brancos, 6 eram americanos e quatro franceses....
Hoje, o organizador da degustação, o inglês Steven Spurrier, que ficou conhecido como um provocador, é um dos editores da famosa revista Decanter e continua promovendo vinhos de regiões pouco valorizadas..e mais...lembra do livro do Jorge Lucki que fiz um post aqui no blog? Steven fez um comentário na contra-capa desse livro!!!



O filme Bottle Shock retrata exatamente esse fato importante do mundo do vinho com a história da vinícola californiana Chateau Montelena que ganhou o prêmio com seu Chardonnay!





Gostaram???
Bjs

Nenhum comentário:

Postar um comentário