terça-feira, 10 de maio de 2011

Vinho com Madeira


Uma pergunta que sempre fazem em degustações é "Quanto tempo o vinho passa por madeira? Passa por carvalho francês ou americano?", vinho com madeira? Como assim??? hahaha...
O vinho após a fermentação vai para tonéis, barricas (há vários nomes) é aquela casinha do Chaves, rsrsrs...de carvalho para o vinho amadurecer e adquirir suas características, como aromas, taninos, gosto, etc. O carvalho é o melhor tipo de madeira para o armazenamento e envelhecimento do vinho, pois  não dá mal gosto ao vinho, pelo contrário, transmite-lhe parte de seus taninos e das substâncias aromáticas que contém.


O vinho ainda fermentando...reparem na cor, o copo todo manchado!

Quando os vinhos são amadurecidos em barril de carvalho, três eventos ocorrem: o álcool e a água evaporam através da madeira (concentrando o vinho); o oxigênio se mistura ao vinho, favorecendo a ocorrência de reações químicas, os quais dependem desse elemento; e substâncias da madeira são extraídas para o vinho. Entre essas substâncias estão os componentes da cor, aromas e sabores, além dos taninos. As principais características das barricas de carvalho são a capacidade que elas têm de permitir que o vinho "respire" através dos micros poros da madeira, executando a chamada micro-oxigenação

Há dois tipos de barricas francesas e americanas:

Barricas francesas: apresenta menos aromas e sabores de carvalho, o vinho estagia menos tempo nesse tipo de barrica e pode ser utilizada por até 3 vezes. É utilizado para vinhos mais estruturados e de guarda longa.  Custam aproximadamente 2 mil euros.
Barricas americanas: transmite mais aromas ao vinho como florais, de frutas e mais taninos ao vinho comparado às barricas francesas, são usadas para vinhos jovens e custam aproximadamente mil dólares!
 Cada vinho é produzido de uma forma diferente e há vinhos que são usados os dois tipos de madeira, isso varia de acordo com o enólogo, que também define o grau de tostagem do barril,  os que já foram utilizados são tostados para tirar os aromas residuais antes da nova utilização.


Barricas da Bodega Trivento


O tempo também varia..há vinhos que ficam 3/4 meses, 12/14 meses...isso depende do vinho e do enólogo!
Agora dá para entender porque todos querem saber sobre as barricas, madeira de um determinado vinho, pois é um fator que influencia muito nos sentidos que o vinho nos proporcina!

Nenhum comentário:

Postar um comentário