terça-feira, 14 de outubro de 2014

Loja Harrods lançará coleção de vinhos do Chateau Haut-Brion



Dia 22 de outubro a loja londrina Harrods lançará, em uma degustação especial, a coleção "elegância do tempo", que consiste em seis caixas com três garrafas de Haut-Brion das seguintes safras: 1961, 1982 e 1989. As garrafas vieram da adega do príncipe Robert de Luxemburgo, proprietário do Chateau Haut-Brion (CHB).

O CHB está entre os melhores vinhos da região de Bourdeaux, França. Existe  desde 1423 e seu castelo foi construído em 1550 por Jean de Pontac, nessa época os vinhos do CHB eram chamados de "vin de Pontac". Após Pontac, o Chateau pertenceu a várias pessoas, inclusive a um dos ministros de Napoleão Bonaparte, mas foi Joseph-Eugène que fez com que Haut-Brion fosse premiado com a classificação Premier Crus Classés, em 1855.

Em 1935, o banqueiro apaixonado por vinhos Clarence Dillon compra o CHB por 2,3 milhões de francos e até hoje a família é dona da propriedade. Joan Dillon, ex-princesa de Luxemburgo passou a administração em 2009 a seu filho, Robert de Luxemburgo.



A propriedade possui 43 hectares com vinhas de 36 anos, ocupada por 45% Cabernet Sauvignon, 37% Merlot e 18% Cabernet Franc. Seu vinho principal é o Chateau Haut-Brion, onde são produzidas em média 220.000 garrafas por ano. A CHB também produz um segundo vinho, o Bahans- Haut-Brion, hoje Clarence Haut-Brion. Outro destaque do CHB é seu vinho branco, considerado um dos melhores da região, o Chateau Haut-Brion Blanc, produz além dessa grande estrela o "Les Plantiers du Haut-Brion" também branco.


O vinho Chateau Haut-Brion é produzido com as três uvas (Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc e Merlot) que a porcentagem varia a cada ano e o amadurecimento é sempre em barricas novas por 18 a 30 meses.
Voltando a coleção "elegância do tempo", as garrafas serão apresentadas em uma caixa produzida na Suiça e quem comprar pode usá-la como guarda-relógios. A coleção custará 9.995 libras (R$38.000,00).


Nenhum comentário:

Postar um comentário